terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Twitter

Conheça também nosso Twitter!

http://twitter.com/profaportugues

Grupos

Na sala de aula dificilmente encontraremos todos os alunos do mesmo nível e se encontrássemos isso não seria natural já que cada ser humano tem seu próprio tempo de desenvolvimento.
Porém às vezes encontramos alguns muito atrasados que foram empurrados para frente.
De qualquer maneira, como trabalhar com um grupo heterogêneo?
Enquanto a maioria da classe estuda e aprende o que o professor preparou, aquela mia dúzia que está mais atrasada pode trabalhar em grupo com atividades diferenciadas trazidas pelo próprio professor ou por um professor auxiliar.
Assim, a sala não vira uma bagunça e todos trabalham.

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Trabalho de paciência

Antigamente a cada dia os alunos aprendiam rápido, pois, tinham sede de conhecimento e essa era sua fonte. Hoje em dia isso não acontece mais já que temos a internet e outras fontes de busca rápidas.
Por isso, o trabalho do professor se tornou um trabalho de mais paciência do que antes, o aluno não é uma caixa de onde as informações são jogadas, ele é um ser humano com problemas de ser humano e isso deve ser levado em conta. O que se ensina por dia é como uma planta que semeamos e cuidamos e com o tempo vemos crescer.

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Abraçar o mundo

Não adianta querer "abraçar o mundo", querer que em grupos sociais menos abastados todos aprendam e tenham interesse em estudar se não foi esse o exemplo dado para eles em casa.
Pode-se trabalhar diferenciadamente com interesses desses grupos, ou pelo menos, dar atenção àqueles que estão ali para alguma coisa.

Prática e não teoria

Talvez muitos que estão na escola pública não gostem de estudar, preferem algo mais prático e menos teórico. Esses deveriam aprender um ofício e não serem forçados a fazer o que não gostam e depois serem excluídos pela sociedade.


sábado, 16 de fevereiro de 2013

Em dias atípicos...

Em um dia atípico que na escola toda aparecem 30 alunos. O que fazer?
A melhor solução é criar uma atividade educativa diferenciada que faça-os ter o prazer de estar na escola e não apenas querer ire embora ou conversar com os colegas.

Em salas com menos de 10 alunos sabemos que é impossível trabalhar algo novo, por isso a ideia da atividade diferenciada, prazerosa e que todos saem ganhando.