sábado, 25 de fevereiro de 2012

Equilíbrio

É interessante notar que toda criança ou adolescente precisa aprender as normas, mas sem rigidez demais. Não dá apenas para "passar a mão na cabeça" , nem fingir que não vê e nem ser chato demais. Há um equilíbrio nisso que é o que os próprios alunos esperam. Tomar um atitude quando precisa? Claro! Eles esperam por isso. Conversar quando for preciso? Eles também esperam por isso.
Este ano mesmo já tive duas experiências assim que deram certo. Não adiantar ter raiva como não adianta usar de total afeição. Há um equilíbrio que precisa ser respeitado e assim a relação professor-aluno com certeza será o mais saudável possível.

;-)

Nenhum comentário:

Postar um comentário